Informativos

Afinal, o que é estratégia?

O termo estratégia, consolidado nas ações militares, é largamente utilizado na vida das empresas bem sucedidas. Como as demais ferramentas de gestão, o uso da estratégia na empresa agropecuária solidificou-se como uma ação determinante ao sucesso da atividade. Inúmeras são as definições de estratégia, dentre elas a mais simples descreve que estratégia é como os recursos serão alocados para se atingir determinada meta. Diante disto vemos que para a definição da estratégia devemos posicionar as informações em 3 importantes itens:
  1. Ponto A: Representa onde estamos;
  2. Ponto B: Define aonde queremos chegar;
  3. Linha de conexão entre ponto A e ponto B: como vamos chegar – a estratégia em si.
Completando o ponto A, B e estratégia, é fundamental que aloquemos a linha do tempo como demonstrado na figura 1.

Fonte: Desenvovimento Agrop.

A figura 01 representa que  queremos é aumentar o lucro da fazenda de R$200,00 (Ponto A) para R$ 350,00/ha por ano (Ponto B). Para isso precisaremos trabalhar a lucratividade, a lotação e o ganho médio diário. Para elevação da lotação e do ganho médio diário, por exemplo, teremos que utilizar da integração lavoura x pecuária, fertilização, confinamento, dentre outros, para alcançarmos nossa meta. Diante disto vemos que estas frentes técnicas fazem parte da estratégia, alinhadas ao resultado principal que é o aumento do lucro da fazenda. 

Da mesma forma, trata-se a inseminação artificial, IATF, bem como todos os outros elementos da produção. Eles fazem parte da estratégia e não é o objetivo em si. Existe um ponto B (meta) que deverá ser alcançado e para isso utiliza-se a ferramenta técnica adequada.

Fonte: Desenvovimento Agrop.
Após o planejamento, temos que executar. O grande princípio para que a execução tenha o máximo de chances de sucesso, é ser precedida de um criterioso planejamento e, sobretudo com o treinamento dos responsáveis pela execução. Muitas vezes, ao contrário do recomendado, executam-se atividades sem tomarem as medidas acima sugeridas.  Recomendamos o método 5W e 2H (figura 02) para garantir que a operação seja conduzida sem nenhuma dúvida por parte das chefias e subordinados. 

Os 5W correspondem às seguintes palavras do inglês: What (o quê), Who (quem), When (quando), Where (onde) e finalmente Why (por quê). Os 2H fazem a referência de How (como) e How Much (quanto). Desta forma estarão claros todos os parâmetros da execução.

Uma vez executada a operação, o ponto que merece destaque é o controle gerencial ou monitoramento do projeto. Apenas sabemos se o previsto está ocorrendo quando medimos. Desta forma os números indicarão quando, onde e quais ajustes são necessários para obtenção do ponto B.

Vemos diante do proposto que Estratégia é parte do processo e para sua prática devemos sempre lembrar que precisamos saber onde estamos (Ponto A), decidirmos aonde queremos chegar (ponto B), estabelecermos a linha que une estes pontos (ESTRATÉGIA), alinhar ao tempo necessário, executar de acordo com o 5W e 2H e monitorar o realizado. A combinação destas ações formam a receita de sucesso, não só para boa estratégia, mas sim para uma gestão voltada aos resultados.

Acesso de uso exclusivo dos clientes Terra Desenvolvimento


ACESSAR

Acesso de uso dos alunos de cursos Terra Desenvolvimento

ACESSAR

Curta nossa página no Facebook
 
Terra Desenvolvimento Agropecuário 1997 - 2018. Todos os direitos reservados

Escritório Maringá: Rua Bernardino de Campos, 619 - Zona 07 - CEP 87030-160 - Maringá - Paraná
Telefone: +55 (44) 3031-8844

Escritório Campo Grande: Rua São Paulo, 1568 – Vila Gomes CEP 79022-140 – Campo Grande - MS
Telefone: +55 (67) 3026-3442
desenvolvimento: indev sistemas web-based