Informativos

Gestão de pessoas na empresa pecuária

O sucesso da aplicação de qualquer medida técnica é profundamente dependente de quem vai operacionalizá-la. Diante disto, o gerenciamento de recursos humanos pode ser considerado o elemento que necessita de mais atenção no processo de gestão, sobretudo na fazenda onde é criada a “micro-sociedade”.

O vizinho é, ao mesmo tempo, companheiro de trabalho e dependendo desta relação podem-se obter benefícios ou complicações. Uma relação “apimentada” entre as esposas pode interferir no serviço de campo. É notório que estes tipos de problemas se repetem com determinada freqüência. Abaixo seguem alguns dos motivos mais comuns:

 
  • Desentendimentos gerados pela discórdia na distribuição de carne, leite, horta;
  • Criação de suínos e aves utilizando-se grãos que deveriam ser destinados aos bovinos;
  • Dívidas entre os integrantes da equipe;
  • Uso de tratores e veículos para fins pessoais;
  • Desenvolvimento de tarefas fora da norma da fazenda;
  • Insubordinação e excesso de justificativas;
  • Relacionamento afetivo “adultero” entre os moradores
  • Alcoolismo e outros.

Além dos pontos destacados acima aborrecerem profundamente o gestores, desviam totalmente o foco do processo de produção da fazenda para a tentativa de solucionar estes problemas. Para solução destes tema algumas medidas eficazes devem ser tomadas:

  1. Fim do paternalismo: Estabelecer relação de direitos e deveres. Ser time e não família;
  2. Treinamentos periódicos: Três treinamentos técnicos ou em habilidades sociais por ano;
  3. Estabelecimento de metas claras: Onde queremos chegar, como, quando e por quem;
  4. Plano de premiação: Participação em resultados quando as metas são atingidas;
  5. Normas de conduta: Normas de conduta e relacionamento dentro da fazenda;
  6. Procedimentos operacionais: Descrição detalhada de como as tarefas devem ser desenvolvidas.

 

 

Lembramos que o ser humano é um conjunto de forças, cuja motivação é o carro motriz que impulsiona seus ideais. A simples implantação de regras e procedimentos não é suficiente e pode tornará a fazenda uma espécie de regimento militar. E necessário encantar os funcionários, para que sintam prazer e orgulho em trabalhar para a fazenda, é muito mais complicado do que maioria dos outros elementos técnicos, pois o número de variáveis emocionais envolvidas é muito maior. O planejamento estratégico de Recursos Humanos pode transformar a motivação no ponto de convergência entre o interessados da fazenda (o lucro), o sonho dos funcionários (realização profissional).

 

De acordo com estudiosos desta área, não basta somente oferecer benefícios e prêmios para manter as pessoas motivadas. Hoje em dia, é indispensável que a empresa transmita a cada colaborador o sentimento de que ele faz parte de algo maior e que sua contribuição é única e fundamental.

Diante de tudo isto, voltamos nossa atenção ao gestor principal, dono ou gerente. A fazenda é seu reflexo direto e seu empenho e preparação são determinantes para o sucesso da gestão de RH da fazenda empresa.

Acesso de uso exclusivo dos clientes Terra Desenvolvimento


ACESSAR

Acesso de uso dos alunos de cursos Terra Desenvolvimento

ACESSAR

Curta nossa página no Facebook
 
Terra Desenvolvimento Agropecuário 1997 - 2018. Todos os direitos reservados

Escritório Maringá: Rua Bernardino de Campos, 619 - Zona 07 - CEP 87030-160 - Maringá - Paraná
Telefone: +55 (44) 3031-8844

Escritório Campo Grande: Rua São Paulo, 1568 – Vila Gomes CEP 79022-140 – Campo Grande - MS
Telefone: +55 (67) 3026-3442
desenvolvimento: indev sistemas web-based