Skip directly to content

Encorte 4.0 acontece até esta sexta-feira durante programação da Expoagro Alagoas 2020

Data: 
23/11/2020

Termina nesta sexta-feira (30), das 14h às 16h50, o Encontro da Pecuária de Corte do Nordeste (Encorte 4.0), evento realizado por meio de uma parceria entre o Sebrae em Alagoas, a Start Soluções no Agronegócio e a Karina Costa Agromarketing. Neste ano, em razão da pandemia do novo coronavírus, a programação do Encorte 4.0 está acontecendo em um formato 100% digital, mas interativo, o que permite a troca de conhecimentos e experiências entre os participantes.

A programação do Encorte 4.0 tem como foco as diretrizes da pecuária de corte do Nordeste e de todo o país. Na última quarta-feira (28), o encontro promoveu uma série de palestras, abordando diversos temas relacionados à atividade da pecuária de corte, como manejo de plantas daninhas com utilização de tecnologias portáteis, uso de drones na pecuária de corte e otimização da pecuária de corte através da integração entre bovinocultura e ovinocultura.

No início do evento, o diretor técnico do Sebrae Alagoas, Vinicius Lages, destacou a importância do agronegócio para a economia brasileira. “O agronegócio brasileiro vem vivendo um momento muito especial. Nós temos esse ano a maior safra de grãos da história do agronegócio brasileiro. A pecuária também, tanto de corte como de leite, vem sendo impulsionada pela forte demanda por proteína animal em todo o mundo, com o crescimento das exportações, abertura de mercado. Portanto, tem estimulado produtores a continuar investindo no melhoramento genético, no melhoramento do rebanho, no aprimoramento da gestão”, avaliou.

“Sabemos que cada vez mais a agricultura, o agronegócio, é um negócio de ponta, que incorpora dados, incorpora elementos de qualquer outro negócio de ponta da economia brasileira e é por isso que o agronegócio vem demonstrando ser também para o estado de Alagoas uma das grandes alternativas de geração de riqueza e de renda. Esse evento trará um conjunto de conteúdos muito importantes e o Sebrae se associa ao Encorte porque entende que é se capacitando, se habilitando que o produtor terá condições de competir em um mercado cada vez mais exigente em qualidade e em padrões de sustentabilidade”, concluiu Vinicius Lages.

A analista da Unidade de Competitividade e Desenvolvimento do Sebrae Alagoas, Jacqueliny Martins, defende que, apesar de nova, a experiência do produtor na versão deste ano do Encorte 4.0 pode ser muito produtiva.

“A gente está chamando de Encorte 4.0 Web porque ele chegou no momento desse novo normal que a gente está vivendo. Então, o Encorte esse ano tem esse diferencial de ser online e essa é uma experiência nova para o produtor, que pode ter uma atividade durante a manhã e pode se concentrar nas palestras na parte da tarde. É um evento que tem profissionais renomados nessa área. São pessoas que já atuam na pecuária de corte”, ressaltou.

 

Reprodução

Ainda de acordo com a analista do Sebrae Alagoas, o novo formato do encontro oferece diversas possibilidades de interação e de negociações entre os participantes. “Dentro do Encorte, o produtor rural tem essa possibilidade de trocar experiência com outras pessoas, mesmo que seja de forma virtual. Ele tem o chat, tem os estandes virtuais de parceiros, ele tem a oportunidade de fazer negócio e o que é mais interessante também é que, por exemplo, ele pode estar lá na propriedade dele e ter acesso à plataforma do Encorte para participar”, explicou.

 

Na quarta-feira passada, o zootecnista e diretor da Terra Desenvolvimento Agropecuário, Rodrigo Patussi, foi o primeiro palestrante do evento. Durante a palestra, ele abordou o tema “Razão para construir, emoção para transformar”. “Em todos os momentos dentro da fazenda, implementando um processo gerencial ou desenvolvendo um projeto que busque eficiência produtiva e financeira, a gente passa pela razão e pela emoção, mas não só dentro da fazenda ou dentro de um projeto. Nesse momento que a gente viveu e está vivendo ainda, a gente estava entre razão e emoção, principalmente por conta dessa insegurança e das incertezas que foram geradas”, destacou.

Tecnologia

Ruan Douglas, zootecnista e mestrando em nutrição e produção de ruminantes pela Universidade Federal de Rondonópolis, abordou o tema “Uso de drones na pecuária de corte”. Durante a palestra, ele explicou o que o produtor precisa fazer para utilizar esta tecnologia em sua propriedade.

“O drone vai te oferecer uma imagem, mas a gente não quer qualquer tipo de imagem. A gente quer monitorar os animais dentro da propriedade, assim como todo o sistema. Para poder utilizar o drone na pecuária, é preciso ter conhecimento sobre legislação, reconhecimento do local, tem que ter conhecimento também na parte de meteorologia, além de ciência de operação do equipamento e conhecimento técnico sobre as fases e sistemas de produção”, comentou.

 

Reprodução

Álvaro Zanghettin, especialista de produtos pela Zacto, falou sobre “Manejo de plantas daninhas com utilização de tecnologias portáteis”. Conforme o especialista, o uso destes recursos pode melhorar a eficiência da produção, mas, para isso, é preciso investir em conhecimento ou assistência especializada.

 

“Não adianta ter a melhor tecnologia do mundo em termos de equipamento, mas pecar em alguns conceitos básicos que a tecnologia de aplicação proporciona. Você tem que tomar cuidado, se atentar com isso para não ser ineficiente no campo”, afirmou.

A última palestra foi conduzida por Leonardo Pinto, médico veterinário e produtor. Ele discutiu a “Otimização da pecuária de corte através da integração entre bovinocultura e ovinocultura”.

“A gente sempre tem discussões, comparativos sobre quem é melhor e mais eficiente. Se é o bovino ou o ovino. E hoje eu trouxe uma proposta diferente para vocês aqui. A ideia é que, ao invés de fazer um comparativo entre bovinocultura e ovinocultura, a gente fale um pouco sobre a integração entre elas”, disse.

O Encorte 4.0 é destinado a produtores, estudantes e profissionais do agronegócio de todo o país. As pessoas interessadas em ter acesso a outras informações sobre o encontro podem acessar o endereço eletrônico https://encorte.com.br/

Contato para a imprensa:

Assessoria de Imprensa do Sebrae Alagoas

Débora de Brito

(82) 99162-5416

debora.brito@al.sebrae.com.br